Ecommerce Casa e Decoração PayU

Como o seu ecommerce de Casa e Decoração pode vender mais do que lojas físicas

O ecommerce nas últimas décadas passou a ser utilizado por muito mais pessoas que estão conectadas à internet, aumentando consideravelmente sua popularidade e sua importância para quem deseja vender por este meio. Para se ter ideia, segundo o 38º Webshoppers, o e-commerce brasileiro cresceu 12,1% no 1º semestre de 2018, se comparado com o mesmo período do ano passado, com faturamento de R$ 23,6 bilhões. Um outro dado corrobora com a importância das vendas online para este setor. De acordo com o IBGE, as vendas de móveis e eletrodomésticos no mercado físico tradicional caiu 14% durante a crise econômica brasileira, em 2015. No entanto, a mesma categoria no ambiente digital teve uma ascensão mesmo com a crise.Isso significa que as lojas físicas vão todas desaparecer? Que as lojas virtuais vão dominar o mercado como um todo? Não. A  loja física possui funções importantes de mostruário, de atendimento de clientes que ainda primam por experimentar o produto físico antes de uma compra, entre outros pontos.

Para as marcas de casa e decoração, por exemplo, que já possuem uma loja física, mantê-la pode ser uma boa ideia para apresentar os produtos com uma experiência de usuário diferente das lojas digitais, uma abordagem que permita um contato maior com os produtos da loja para viver os produtos.

No entanto, o retrato da maioria dos ecommerces de casa e decoração é o de marcas unicamente digitais. Mesmo assim, é possível fazer sua loja virtual de mobília doméstica vender mais do que as lojas físicas. E hoje vamos mostrar como e por quê.

Por que os consumidores preferem cada vez comprar online?

No geral, um dos grandes diferenciais de ecommerces em comparação com lojas físicas é que os clientes garantem praticidade na pesquisa de itens dentro um acervo igualmente muito maior quando comparado aos de lojas físicas. Sem falar na possibilidade de encontrar diversas promoções.

Esse é um dos grandes motivos que convencem o público a comprar online: uma economia gigantesca de tempo e dinheiro na busca e na compra dos produtos. Na verdade, boa parte dos clientes que já fazem compras online já fazem o processo todo de compra dentro da web.

Como fazer meu ecommerce vender mais do que lojas físicas?

Além do planejamento prévio feito por meio do plano de negócios, é preciso pensar nas ações de marketing digital.Ter uma presença online fortalecida é essencial, por isso criar e trabalhar bem as páginas nas redes sociais pode ser uma ação interessante para que os clientes busquem a loja virtual e os seus produtos. Outra boa ideia dentro disso, é postar conteúdos relevantes que tenham relação com o que você vende online.

Ações de marketing digital

Trabalhar com emails marketing e outras ações de remarketing e atração digital com o Google, por exemplo, são ótimas opções para ter um aumento nas vendas digitais e vender mais do que lojas físicas.

Otimizar o site para SEO também representa uma ação de marketing digital bastante importante para trabalhar esse aumento, pensando principalmente na escalabilidade dos conteúdos da loja virtual. Ou seja, o quão agradável e fácil de ler é a página, o uso de palavras-chave, a inclusão de imagens e/ou conteúdo audiovisual e a exclusividade do conteúdo.

Diversidade em meios de pagamento online

Por fim, os meios de pagamento online também têm uma importância significativa no potencial do seu ecommerce de casa e decoração para vender mais do que as marcas físicas. É preciso investir uma solução completa de pagamentos digitais que atenda toda a diversidade dos formatos de pagamento com as melhores tarifas de crédito mercado. Tudo para melhorar a experiência de compra para seus clientes e aumentar a segurança contra fraudes.  

O potencial de venda de uma loja virtual de casa e decoração é enorme, já que esta é a 5ª categoria de ecommerces com maior volume financeiro e a possibilidade de vender mais do que lojas físicas é bem real. É preciso ir além do fato de que o mercado está em expansão e apresentar uma diferenciação competitiva.

Essa diferenciação - baseada na mistura perfeita entre soluções de pagamentos online, otimização dos conteúdos e propagandas e outros pontos técnicos - traz esse aumento nas vendas online e pode garantir um faturamento anual maior do que muitas marcas que trabalham exclusivamente com lojas físicas, mostrando a capacidade do ambiente digital também no mundo das vendas.

New call-to-action